Objetivos do Colóquio Heidegger

Os Colóquios Heidegger pretendem estimular os estudos heideggerianos no país. Contando com a participação de filósofos bem como de profissionais de outras áreas do conhecimento que se dedicam à recepção do pensamento heideggeriano. Os Colóquios Heidegger são abertos para estudiosos interessados na investigação sistemática e rigorosa da Gesamtausgabe de Heidegger, nos problemas fomentados no projeto da Fenomenologia Hermenêutica, nas repercussões e recepções críticas da obra de Heidegger em outras áreas e tradições filosóficas, nas ciências e nas artes, e na meditação heideggeriana sobre a técnica e sua origem metafísica. 

Eles contam desde a sua fundação com a presença de convidados internacionais, evidenciando a preocupação com a inserção dos estudos desenvolvidos no cenário internacional. Destaca-se, neste sentido, o Colóquio de 2010 – tendo por tema Heidegger e o pensamento oriental” – que deu início à participação regular de eminentes especialistas europeus, norte-americanos, chineses e japoneses. A edição de 2015 aprofundou essa tendência pois o Colóquio Heidegger abrigou o III Congresso da Sociedade Iberoamericana de Estudos Heideggerianos, congregando especialistas da América Latina, Espanha e Portugal.

É igualmente uma preocupação dos Colóquios Heidegger favorecer a formação e a incorporação de estudantes e jovens pesquisadores, promovendo a consolidação e continuidade dos estudos sobre a Obra de Heidegger no Brasil e na América Latina. 

 

Financiamento